Associação Fotoativa

Institucional
Quem somos
Desde 1984
Organograma
Associadxs
Casarão Fotoativa

Estatuto
+ Como se associar

Sustentabilidade
Amigx Fotoativa
Rede de parceiros
Fale conosco

Edital de Artes Visuais
Lei Aldir Blanc

︎ Instagram
︎ Facebook
︎ YouTube
︎ Twitter









Belém, Amazônia, Brasil
1984 | 2021




A Associação Fotoativa é uma organização sem fins lucrativos que parte da fotografia para a construção de exercício da cidadania.

Site em Construção

Projetos

Na comunidade
Pinhole Day Belém
Calendário de Oficinas
No Tempo das Águas

Colóquio
Café Fotográfico
Saraus da Memória
Mostra de Projeções
Marca d'água

Largo Cultural das Mercês
Fotoativa Portas Abertas

Grupos de estudos e práticas
Fototaxia
Laboratório de Projetos
Práticas Curatoriais

Produções Publicações
Vídeos

Casarão em partilha
Fotoativa em Residência
Laboratório Fotográfico
Laboratório Gráfico
Ateliês temporários
Grupo de Almoço

Exposições,  intervenções e ocupações 

no casasão Atravessamentos: Fotoativa ontem e hoje, 2019

A Volta de Fordlândia, Suspended spaces, 2019

Hot batata, Nando Lima, 2018

Em processo, Eder Oliveira, 2018

Breu das Horas, José Viana, 2018

Todas as águas, Véronique Isabelle, 2018

Recódigo, Italo Britto, 2018

Marise Maues e Mônica Lizardo, 2018

Narrativas Erráticas, Martin Pérez, 2018

Nus Trinks, Wellington Romário, Lucas Gouvêa e Nando Lima, 2017

Pariwat Jenipapo, Denis Rodriguez, 2016

Alfabeto de Ficções, 2016

Armando Sobral

Armando Queiroz

Entre o sagrado e o profano

Alberto Bitar

além muros

Sobre sueños, abismos y otras fronteras, 2019

Atravessamentos : Fotoativa ontem e hoje, 2018

Retour de Fordlândia, 2018

Fotografia contemporânea paraense

QUEM SOMOS






Somos uma associação cultural sem fins lucrativos, de interesse público estadual e municipal, fundada em 2000. Um corpo-coletivo em atuação na cidade de Belém do Pará desde 1984 que propõe a fotografia e a imagem como meio de promover e desenvolver ações coletivas de reflexão, formação-educação, experimentação e pesquisa da linguagem fotográfica e seus desdobramentos.

Com identidade dinâmica e pedagogia de participação, temos por objetivo propor uma outra educação do olhar no aprendizado e no exercício da fotografia como ferramenta de promoção da cidadania, intervenção e mediação social e de intercâmbio de conhecimentos que incentivem o descobrimento pessoal, o respeito aos Direitos Humanos, ao meio ambiente e ao patrimônio cultural amazônico como elementos determinantes e essenciais para uma mudança social.




Oficina Fotografia Sensorial. Na imagem, Alexandre Sequeira e Lucia Pinheiro. Foto Miguel Chikaoka. 1989.





missão 


Fomentar por meio da fotografia e da imagem ações coletivas que estimulem o diálogo reflexivo e experimental, promotor de cidadania e de uma cultura sensível ao contexto amazônico. Em uma perspectiva transversal, propõe pensar a fotografia como base de de memórias compartilhadas e de processos identitários, patrimônio cultural comuns à sociedade.

 

visão


Ser uma organização cultural, criativa e autossustentável de referência na arte e na linguagem fotográfica da Região Norte, contribuindo como agente articulador de forma ampla e continuada com a formação cidadã e a transformação do contexto brasileiro e Pan-amazônico.


valores


Nossa conduta está pautada no exercício constante de uma participação democrática que valoriza a diversidade e a luta pela justiça contra desigualdade social, racial e de gênero. Em nossa forma de atuar e gestionar a entidade, zelamos pela transparência em nossos processos. Temos a educação como instrumento de liberdade e emancipação humana, guiado por relações de empatia e respeito ao próximo.  Apostamos na valorização da memória e dos patrimônios materiais/imateriais como fundantes na consolidação identitária, bem como dos saberes vinculados à floresta e ao meio-ambiente.



                • Participação democrática

                • Valorização da diversidade identitária

                • Justiça contra desigualdade social, racial e de gênero

                • Educação como instrumento de liberdade e emancipação humana

                • Transparência

                • Ética e respeito ao próximo

                • Respeito ao patrimônio material e imaterial 

                • Respeito ao meio-ambiente









FOFA Fotoativa, resultado da vivência Encontros de gestão, conduzida por Paula Vanessa. Arte Fazenda, Apeú, Castanhal, 2018.