X COLÓQUIO FOTOGRAFIA E IMAGEM

Encontro aberto para o diálogo, a cooperação e a divulgação de projetos e pesquisas, o X Colóquio Fotografia e Imagem é uma realização da Associação Fotoativa e do Programa de Pós-Graduação em Artes da Universidade Federal do Pará, em colaboração com diversas instituições culturais parceiras

O evento acontece entre os dias 22 e 25 de agosto de 2018, nos espaços da Fotoativa, do Centro Cultural Sesc Boulevard, da Galeria Benedito Nunes e da Casa das Artes. A participação nas conferências, mesas, leituras de portfólio e workshops é gratuita. Mas é preciso se inscrever.

Inscreva-se já. Clique aqui.

 

Arquivos e outras memórias, tema deste ano, propõe refletir sobre esse universo dos arquivos, repertórios imagéticos e documentais que reservam, cada qual, sua singularidade. Ainda que lacunar e descontínuo, institucional ou pessoal, um arquivo sempre diz muito acerca das memórias de um lugar, desdobrando-se em histórias possíveis ainda inacabadas, lastros que abrem leituras sobre o nosso presente. Dentre inúmeras questões que nos interpelam, somos convidades a refletir sobre como nascem os arquivos, como são constituídos os acervos, de que forma se tornam suporte para a construção de narrativas; como se vinculam a uma localidade, a uma geração, a uma paisagem; como se atrelam a determinado espaço e dele reverberam leituras outras, contextuais, afetivas, políticas. 

Parte dos recursos de execução deste projeto está sendo captado através da Lei de Incentivo à Cultura | Lei Rouanet, via Ministério da Cultura e Governo Federal. Contribua para a realização deste projeto! Para maiores informações, escreva para financeiro@fotoativa.org.br.    

 

Workshops

Inscrições prorrogadas até o dia 23 de agosto para os workshops que acontecerão durante o X Colóquio de Fotografia e Imagem. Atravessando repertórios imagéticos de arquivos fotográficos e audiovisuais, os workshops acontecerão nos dias 23 e 24 deste mês na Casa das Artes. A chamada é gratuita e aberta a artistas, pesquisadores e estudantes ligados ao campo da fotografia e outras imagens. Os workshops serão realizados pela manhã, recebendo cada um até 15 pessoas inscritas.

Arquivo abissal: processos de criação é a proposta da fotógrafa e professora portuguesa Susana de Sousa Dias para refletir a  densidade cultural e poética de fotografias, filmes e paisagens sonoras. Em um primeiro momento, os participantes são convidados a pensar da compilação à criação de imagens de arquivos e sobre as questões históricas, estéticas e ética associadas à utilização dessas imagens. Em um segundo momento, devem compartilhar e debater seus projetos – fotografias, filmes e/ou registros sonoros.

Susana de Sousa Dias é professora na Faculdade de Belas-Artes de Lisboa, sua cidade. Doutora em Belas-Artes (Audiovisuais), mestra em Estética e Filosofia da Arte e é licenciada em Pintura. Concluiu o curso de Cinema na Escola Superior de Teatro e Cinema e estudou Música no Conservatório Nacional de Lisboa. Dirigiu Luz Obscura, Natureza Morta (Prêmio Atalanta Doclisboa 2006, Prêmio de Mérito Taiwan DFF), 48 (Grand Prix Cinéma du Réel 2010, Prêmio FIPRESCI DokLeipzig 2010, Opus Bonum Award, entre outros), e criou Natureza Morta|Stilleben (instalação em 3 canais, exibida no MNAC-Museu do Chiado).  É fundadora da produtora Kintop.

Passagens entre fotografia e cinema na arte brasileira é o tema explorado pelo artista e professor André Parente para analisar a fotografia expandida, especialmente no que diz respeito à fotografia projetada dos audiovisuais, ao dispositivo fotográfico e o efeito cinema e às instalações fotográficas panorâmicas. O hibridismos dos trabalhos a serem descritos e analisados compõem séries que contribuem para o debate sobre o pensamento fotográfico e de outras imagens no contexto da arte brasileira.

André Parente é artista e professor-pesquisador titular da Universidade Federal do Rio de Janeiro, com um trabalho teórico e artístico que se dá no campo híbrido do cinema, da arte contemporânea  e das novas mídias. Doutor pela Universidade de Paris 8, sob a orientação de Gilles Deleuze. Fundador, junta a Katia Maciel, do Núcleo de Tecnologia da Imagem (N-Imagem) da UFRJ. Realiza inúmeros vídeos, filmes e instalações de dimensão experimental e conceitual. É autor de diversos livros, dentre eles Fotografia e Cinema na Arte Brasileira, lançado em 2015.

Para se inscrever, interessados devem enviar e-mail para <coloquio@fotoativa.org.br>, com as seguintes informações:
– Nome
– Telefone
– Motivação para participar da atividade (até 10 linhas, caso ultrapasse o limite de inscritos, este será o critério de seleção dos participantes)
– Minibiografia (até 5 linhas, trajetória resumida de seu percurso)

Workshop
O Arquivo abissal: processos de criação
Ministrante: Susana de Sousa Dias
Passagens entre fotografia e cinema na arte brasileira
Ministrante: André Parente
Local: Casa das Artes / Fundação Cultural do Pará
Data: 23 e 24 de agosto, de 9 ás 12h
Chamada aberta: até 23 de agosto

Leitura de Portfólio

Durante o X Colóquio Leituras de Portfólio serão realizadas por Mariano Klautau Filho e Daniel Sosa  nos dias 23 e 24 deste mês. As inscrições foram prorrogadas, então artistas, pesquisadores e estudantes do campo da fotografia e outras imagens têm até 23 de agosto para garantir sua vaga gratuitamente, via e-mail.

São 8 vagas. Para participar você deve encaminhar para coloquio@fotoativa.org.br, as seguintes informações: nome, telefone, minibio da trajetória (até 5 linhas), portfólio em pdf com no mínimo 12 e no máximo 20 imagens (arquivo com até 10Mb), além de sinalizar qual leitura você quer participar. No título do email deve constar [Leitura de Portfólio].

A leitura de portfólio é um compartilhamento de trajetórias profissionais e uma análise especializada desses trabalhos. Os repertórios imagéticos dos participantes serão trabalhados com dinâmicas diferentes:

No dia 23 de agosto, o artista, professor, pesquisador e curador independente Mariano Klautau Filho fará uma leitura coletiva do portfólio de cada participante, que terá 10 minutos para apresentar seu material ao grupo e então dialogar com os demais presentes.

No dia 24 de agosto, o curador, fotógrafo e diretor do Centro de Fotografia de Montevidéu Daniel Sosa receberá cada inscrito individualmente, para uma interlocução de aproximadamente 20 minutos.

Os trabalhos poderão ser apresentados tanto física quanto digitalmente (suporte para projeção dos materiais disponível).


Leituras de Portfólio
23 agosto com Mariano Klautau Filho
24 agosto com Daniel Sosa
Horário: às 14h
Local: Associação Fotoativa (praça das Mercês, 19, na Campina)
Vagas: até 8 pessoas para cada leitura
Inscrições: até 23 de agosto

programação geral

X Colóquio Fotografia e Imagem
Arquivos e outras memórias

22 agosto QUARTA-FEIRA
na Fotoativa 

16h Credenciamento
18h30 Abertura oficial
19h Palavras iniciais com Miguel Chikaoka
Fotografias e memórias de um arquivo : a Fotoativa

19h30 Conferência com Mariano Klautau Filho
Fotografia no Brasil hoje, aqui, ali e ao redor – questões contemporâneas e parciais sobre coleções, acervos e exposições

21h Abertura de exposições
Em Processo de Éder Oliveira
Breu das Horas de José Viana
Todas as Águas de Véronique Isabelle e moradores da ilha do Jamaci
Arquivos Audiovisuais do coletivo Suspended Spaces

Discotecagem com DJ Francisco

 


 

23 agosto QUINTA-FEIRA

9h Workshops
na Casa das Artes | Fundação Cultural do Pará

O Arquivo abissal: processos de criação
com Susana de Sousa Dias

Passagens entre fotografia e cinema na arte brasileira
com André Parente

10h Laboratórios temáticos de pesquisa
na Fotoativa
1) Acervos Amazônicos
2) Arquivos apropriados em processos artísticos | criativos

14h Leitura de portfólios com Mariano Klautau Filho
na Fotoativa

16h  Mesa 1 _ Acervos em perspectivas dialógicas
no Sesc Boulevard
Rosângela Britto (PPGArtes – UFPA | Faculdade de Artes Visuais – ICA – UFPA)
Daniel Sosa (CdF Montevidéu / UY)
Marisa Mokarzel (PPGArtes UFPA)
Mediação: John Fletcher (Faculdade de Artes Visuais – ICA – UFPA)

18h Mesa 2 _ Acervos, documentação e práticas artísticas
no Sesc Boulevard
André Parente
(UFRJ – Escola de Comunicação – N-Imagem)
Alexandre Sequeira (Faculdade de Artes Visuais – ICA – UFPA | Doutorando UFMG)
Maria Christina (Artista e Pós-Graduanda – NAEA – UFPA )
Mediação: Orlando Maneschy (PPGArtes – UFPA | Faculdade de Artes Visuais – ICA – UFPA)


20h Abertura da Exposição Outros documentos
na Galeria Benedito Nunes | Fundação Cultural do Pará – FCP
com André Parente, Armando Queiroz, Christian Bendayan, Claudia Leão e Movimento Munduruku, Debora Flor, Éder Oliveira, Elza Lima, Luciana Magno, Maria Christina, Marise Maués, Miguel Chikaoka, Patrick Pardini, Rafael Matheus Moreira e Rodrigo José
curadoria de Camila Fialho e Orlando Maneschy

 



24 agosto SEXTA-FEIRA

9h Workshops (continuação)
na  Casa das Artes | Fundação Cultural do Pará

O Arquivo abissal: processos de criação
com Susana de Sousa Dias

Passagens entre fotografia e cinema na arte brasileira
com André Parente

10h  Laboratórios temáticos de pesquisa
na Fotoativa
3) Arquivos e Memórias ancestrais
4) Memórias suspensas e projetos modernos na Amazônia

14h Leitura de Portfólio com Daniel Sosa
na Fotoativa 

16h   Mesa 3_ Memórias contadas, histórias narradas
no Sesc Boulevard
Almires Martins
(Universidade Federal da Grande Dourados – UFGD | Membro do Instituto Indígena Brasileiro para a propriedade Intelectual)
Cláudia Leão (PPGArtes – UFPA | Faculdade de Artes Visuais – ICA – UFPA)
Zélia Amador de Deus (Faculdade de Artes Visuais – ICA – UFPA)
Mediação:  Véronique Isabelle (Doutoranda em Antropologia – UFPA)

 

18h   Mesa 4 _ Hibridismos imagéticos e ficção
no Sesc Boulevard
Pedro Hussak Ramos
(UFRuralRJ – Filosofia)
Jacinto Lageira (Université en Arts et médias, Paris 1 – Panthéon-Sorbonne)
Orlando Maneschy (PPGArtes – UFPA | Faculdade de Artes Visuais – ICA – UFPA)
Mediação: Carolina Venturini (Faculdade de Comunicação – UFPA | Doutoranda – UNAMA)

20h_ IV Mostra de Projeções Fotoativa Arquivos e outras memórias
na Praça das Mercês

 


 

25 agosto SÁBADO

10h Mesa 5 _ Arquivos e memórias: Fordlândia, um arquivo moderno a céu aberto
no Sesc Boulevard

Françoise Parfait (Université en Arts et médias, Paris 1 – Panthéon-Sorbonne)
Eric Valette (Faculté des Arts d’Amiens, Universidade Picardie Jules Verne)
Alessia de Biase (Laboratoire Architecture Anthropologie UMR LAVUE, École Nationale d’Architecture de Paris)
Jan Kopp e coletivo Suspended Spaces
Mediação: Daniel Lê (Suspended Spaces) e Camila Fialho (Associação Fotoativa) 

16h Mesa 6 _ Imagens de arquivo
no Sesc Boulevard
Sávio Stoco (Mestre em Artes Visuais pelo Instituto de Artes-Unicamp | Doutorando – USP)
Susana de Souza Dias (Faculdade de Belas Artes em Lisboa / PT)
Nassif Jordy (Belém / PA)
Mediação:
Felipe Pamplona (Núcleo de Produção Audiovisual | Casa das Artes – Fundação Cultural Tancredo Neves)

19h _ Conferência de encerramento com Christian Bendayán (Lima / Peru) Cartografias da fotografia amazônica:  imagens e arquivos fotográficos do Peru

21h _Encerramento do X Colóquio Fotografia e Imagem
Fotovaral Fotoativa 34 anos luz 

Performance de bolso com Nando Lima
Bolo de aniversário 34 Anos Fotoativa
Som na Praça com Félix Robatto

colóquio de 2002 a 2018

Em suas nove edições, realizadas entre 2002 e 2013, o Colóquio promoveu discussões a partir do conhecimento semiótico, histórico, antropológico e da história da arte. Colocou em debate a crítica fotográfica, abordou questões em destaque no campo das artes visuais contemporâneas através dos temas “Identidade e Percepção”, “Poéticas e Processos”, “Materialidades da Fotografia”, “Imagem-cidade”.

Em 2010, reuniu gerações de pesquisadores para discutir as bases do pensamento fotográfico a partir do tema “Filosofias da Imagem: Poéticas da Caixa Preta”. E em sua última edição, realizada em 2013, retomou o tema das “Autografias” resgatando práticas de leituras de artistas e de pensadores que eram organizadas pelo coletivo entorno da Fotoativa nos anos 1980.

Palestras, minicursos, leituras de portfólios, mesas-redondas e conferências, mostras e exposições foram articuladas ao longo dessas nove edições, constituindo um cenário singular, território de fluxo entre academia e sociedade.